IYÁ OMINIBÚ.


O nome Ominibú se traduz como "No fundo das águas ou Águas profundas", pois ela reside no fundo do rio Osun.

Esta é a Osun criadora de vida, que traz peixes para as águas e fertilidade para as mulheres.

Esta Osun vem pelos Odús Ossá Mejí e Ose Mejí.

Ela está sempre ao lado de seu Ibá. Ela é a líder da sociedade de Iyalodês.
Ligada a Yemonja, Sango, Osala, Oyá, Ogun e Osayn.
Osun Ominibú vive no fundo do rio, nas águas escuras e só sai à noite, ela não se movimenta durante o dia.
Seus filhos não devem ter cães em casa, é ewó (kizila) dessa Osun.
Essa Osún só aceita animais brancos em seus rituais e após assentada ela sempre estará próxima ao seu Igbá.


Itan de Osun Ominibú:

Obatalá reuniu todos os "Oborós", as divindades masculinas e com estes deuses ele fez uma sociedade de Orisás.
Osun ficou muito ofendida e foi até eles e perguntou:
"Eu também sou Orisá, porque me excluem?"
Todos os Oborós riram e disseram:
"Desde quando precisamos de mulheres? Não está a nossa altura."
Osun então entendeu que não precisavam dela e retirou o seu Asé do mundo.
Não havia mais fertilidade, as mulheres não engravidavam, a água não matava mais a sede e a natureza secou.
Os Oborós foram reclamar a Olodumaré, queriam que ele obrigasse Osun a dar seu Asé novamente, mas Olodumare disse:
"Vocês disseram a Osun que ela não é importante e agora sofrem sem ela. Devem desfazer esse erro."
Todos os homens foram as margens de Rio Osun e levaram oferendas a Yabá que logo surgiu das águas e perguntou:
"Por que estão chamando meu nome, se eu claramente não estou a altura de vocês?"
Osun fez com que os homens implorassem seu retorno e então ela aceitou voltar, mas com a condição que ela e as Yabás também tivessem voz ativa entre os Deuses.
E assim foi, a terra voltou a prosperar e Osun foi chamada Iyalodê, a mulher honrada. Osun Ominibú é a Osun lider, a grande senhora que quando fala todos se abaixam.

Ery Yeyê!!!

Nenhum comentário: