YEMONJA ADOTA OBALUAIÊ.


Nanã era esposa de Osalá e após muito tempo juntos ela engravidou do seu primeiro filho.
Quando o Bebê nasceu ele estava doente, havia chagas em sua pele e isto lhe dava uma aparência horrível. Ela então decidiu que seria melhor não levar a diante esse Bebê e o abandonou em uma praia. 
Yemonja ao ouvir o choro de uma criança, foi até a praia ver quem era e então ela viu o bebê sendo atacado por caranguejos.
Yemonja pegou o bebê e o adotou, o criou como seu filho. Curou suas chagas e lhe deu parte de seu reino, as perolas são dele que dela recebeu o título de Jeholú (senhor das pérolas).
O menino doente se transformou em um rei, Obaluaie o dono da terra.

Nanã se arrependeu do que fez, mas Obaluaiê recebeu tanto amor de Yemonja que não criou mágoas.

Yemonja é a grande mãe.
Ela ama e não pede nada em Troca.

Tudo que Obaluaie é hoje, foi graças ao amor e cuidados que recebeu de Yemonjá e ele reconhece e ama Yemonja.

Eruya!
Bendito coração que bate no peito de Yemonja...

Nenhum comentário: