YEMONJA SE SACRIFICA PARA SALVAR OS FILHOS.


Olofin é um dos nomes de Deus.

Olofin estava descontente com os moradores da terra, porque eles se  esqueceram dele. 
Olofin proibiu o céu de chuver e então a chuva não mais caiu.
A água da terra evaporava e não voltava, então a terra secou.
Com a seca prolongada, os animais morreram, as plantações queimaram e quase não havia água para beber.

Olofin estava aborrecido com os humanos.
Os Orisá foram criados por Olofin para cuidar do cuidado do
mundo e eles então se reuniram e decidiram enviar ou Sango ou Yemonja para ver  Olofin e a ele pedir o seu perdão.

Yemonja era Orisá, ela tinha água para si, mas abandonou seu conforto para buscar água para todos.

Yemonja então se pôs a subir para o palácio de Olofin.
Ela passou por caminho estreito e árduo e teve de caminhar muitos dias pela montanha sem comer ou beber nada.
Quando Yemonja chegou, ela estava com tanta sede e fome que ao chegar nos jardins, não pode  resistir mais e se ajoelhou para beber água em uma poça de água barrenta que lá encontrou.

Enquanto isso Olofin, que tinha ido para a sua caminhada matinal, viu de longe que alguém que se atreveu a perturbar sua tranquilidade. 
Ao se aproximar ele ficou perplexo ao ver a Rainha Yemonja  bebendo água suja de uma poça entre as flores.

Olofin disse para ela se levantar e então percebeu que o amor de Yemonja era muito grande e que pelo sacrifício dela os homens estavam perdoados e que ele enviaria a chuva novamente.
O grande sacrifício de Yemonja não foi despercebido, ela salvou seus filhos e os filhos de todos os Orisás.

O amor de Yemonja é muito grande.

Odoya!

Nenhum comentário: